7 Benefícios do Linkedin para Estudantes Universitários

Linkedin Universitários

 

O Linkedin foi criado com o objetivo de ajudar os profissionais a encontrarem seus projetos ideais. Através da rede social, os profissionais conseguem:

– Recomendações de empregos com base na educação e interesses dos candidatos;
– Possibilidade de criarem uma rede em torno dos próprios profissionais, adicionando pessoas que podem apresentar oportunidades, ou até mesmo ajudá-los a conseguir emprego.
– Ferramentas que possibilitam a procura por empresas que estejam interessados.

Pensando nisso, os universitários não poderiam ignorar essa plataforma, ainda mais nesta fase inicial de suas carreiras.

Mas como o Linkedin pode ajudar vocês, os universitários?

1. Conecte-se com profissionais da sua futura área de especialidade

É importante entrar em contato com todos os tipos de pessoas ligadas ao futuro meio profissional. Essa abordagem inicial determinará sua aceitação no grupo de profissionais de sua futura área.

2. Obter alertas sobre propostas de trabalho

Depois de ter criado o seu perfil profissional no LinkedIn, configure alertas de e-mail para receber notificações de oportunidades de trabalho nas suas áreas de interesse.

3. Pesquisar sobre as empresas e seus empregadores

Um dos maiores benefícios do LinkedIn é oferecer aos estudantes universitários a possibilidade de visualizar páginas dos seus potenciais empregadores. Ao visitar as páginas da empresa, poderá realizar uma pesquisa sobre a instituição, conhecer o processo de contratação e o que as pessoas têm a dizer sobre essa organização. Isso é importante para reforçar o seu posicionamento, aumentando assim suas chances de contratação.

4. Obter recomendações

O LinkedIn também oferece um recurso através do qual você pode obter recomendações de outras pessoas (Professores, estudantes ou profissionais da sua futura área). Desta forma, obtenha o maior número possível de recomendações para aumentar os seus índices de empregabilidade.

5. Empresas procuram candidatos

Hoje, um grande número de organizações procuram candidatos talentosos em plataformas de redes sociais como LinkedIn. Existem mais de 517 mil gestores e 160 mil diretores de empresas brasileiras no Linkedin. Se tiver criado um perfil profissional, de forma detalhada, as probabilidades de contratação aumentam.

6. Conectando-se com outros estudantes

Os estudantes universitários também podem usar o LinkedIn para conectar-se com outros estudantes. Este tipo de rede oferece uma excelente oportunidade para descobrir como outros estudantes encontraram um emprego ou foram encontrados por um empregador.

7. Busque oportunidades em empresas estrangeiras

O Linkedin é uma plataforma imensa com mais de 100 milhões de usuários. Se você está interessado em trabalhos internacionais, está na rede social certa. No Linkedin existem inúmeras oportunidades de se conectar com grandes empregadores internacionais e encontrar empregos em países estrangeiros.

 

O que você está esperando? Concluir o curso da universidade para procurar oportunidades na sua futura área?

Não espere, faça agora! Mãos a obra e comece a movimentar o seu perfil no Linkedin!

Fonte: Linked Portugal
 
 
Veja também:

Infográfico: Conheça o número de empresas e usuários que utilizam o Linkedin no Brasil

Anúncios

Infográfico: Empresas usam Mídias Sociais para avaliar candidatos

Candidatos à procura de emprego se voltaram para as ferramentas digitais e de mídia social para ajudá-los nesta busca, e agora os recrutadores também estão utilizando o poder das mídias sociais como ferramenta de recrutamento.

LinkedIn não é a única rede social que ajuda no processo de procura de emprego, Facebook, Twitter, YouTube e Google+, também são utilizados como canais de divulgação de currículos.

Os empregadores estão tomando nota da importância das mídias sociais no processo de recrutamento, e a maioria das empresas estão se voltando para as redes sociais afim de encontrar e avaliar os candidatos ao emprego.

Dê uma olhada neste infográfico e deixe-nos saber o que você acha do uso de mídias sociais para encontrar um emprego:

Infografico-Procurar-Empregos-com-Mídias-Sociais

Por isso fica a dica, tome couidado com as fotos que você coloca, comentários e comunidades que participa ou curti nas redes sociais, pois cada detalhe será importante no momento que o empregador estiver avaliando você.