Você aceitaria o desafio de 1 milhão de comentários em um post no Facebook?

Facebook Um Milhão de comentários em um post

Americana, em conjunto com um de grupo de 107 pessoas, aceitou o desafio e embarcou criando a postagem mais épica do Facebook com 1 milhão de comentários em um único post na rede social.

Em uma entrevista ao canal Fox40, Cathy Matthews, uma das participantes da postagem épica, afirmou que aproximadamente 107 pessoas participaram da postagem, isto significa que cada usuário participante postou, em média, mais de 9.300 mensagens. Contudo, grande parte do que era escrito não apresentava nenhum conteúdo importante.

O objetivo o objetivo da façanha foi entrar para o Livro dos Recordes, que hoje, o detentor dessa estranha conquista é um italiano que recebeu 529.335 comentários em um único post. O feito já foi enviado para avaliação e os participantes estão no aguardo da resposta do Livro.

Fonte: Tecmundo
Anúncios

Twitter é muito mais do que Rede Social

publicidade-no-twitter

Jack Dorsey, cofundador do Twitter afirmou na conferência DLD, em Munique, na Alemanha, que o microblog “é muito mais do que uma rede social e não tem tempo para perder com recém-chegados como o Google+, pois o Twitter se torna cada vez mais importante como um serviço de informação e está construindo seu negócio publicitário”.

“Temos muito com o que nos preocupar, que é somente fortalecer o Twitter. A rede social é apenas uma parte do que fazemos. Pensamos no Twitter como um serviço de informação. Você não precisa tuitar, o principal é ficar sabendo do que está acontecendo no seu mundo, em tempo real”, afirma Dorsey, descrevendo o microblog como um serviço de notícias personalizado.

jackdorsey

Os céticos dizem que a rede social ainda não provou que pode ganhar dinheiro, porém os investidores aguardam ansiosamente uma flutuação de ações que pode valorizar a empresa em cerca de 8 milhões de dólares. “Nosso modelo de negócio está em desenvolvimento há um bom tempo e funciona”, garanti Dorsey, informando também que os anunciantes estão se mostrando dispostos a pagar para promover seus tweets, contas e tendências.

eMarketer, empresa de pesquisas, estimou que a receita do Twitter no ano passado deve ter sido em torno de US$ 140 milhões. Ainda duvida que o twitter tenha um modelo de negócio eficiente?

Fonte: Link Estadão 

Dicas para Manter Seu Ego de Mídias Sociais em Cheque

Voce Mídias Sociais

A maioria dos usuários têm usado mídias sociais para promover ou divulgar o próprio nome ou de uma marca. Isso por si só, não é ruim, porém quando a mídia social é usada egoisticamente para promover descaradamente um nome ou marca, pode ser mais prejudicial do que útil.

Aqui estão algumas orientações para manter o seu ego de mídia social em cheque:

  • Seja honesto: Diga a verdade. Uma orientação simples, porém muitas vezes esquecida. Um pouco de exagero em suas palavras pode levar a sérias consequências.

 

  • Não se vanglorie: Quando você entrar em uma conversa on-line, certifique-se que o que está digitando é relevante para a conversa ao invés de ser relevante somente para você, pois, consequentemente, afastará as pessoas por ser egoísta.

 

  • Envolva-se Cara-a-Cara: Criar uma imagem positiva vai além da digital, então coloque seu smartphone de lado quando você tiver a chance de se envolver com as pessoas cara-a-cara.

 

  • Cuidado com a negatividade: Nunca critique as ideias e as pessoas. Negatividade e sarcasmo só atraem mais reclamações.

 

  • Seja consistente: Tenha certeza que você está sendo claro quando expor sua opinião e se seu público está compreendendo o contexto da sua mensagem.

 

  • Dê crédito: Se o conteúdo não for seu, mencione e de o crédito para o verdadeiro autor. Elogia a pessoa que fez e agradeça quando for apropriado. Dar crédito aos outros on-line é extremamente importante!

Tenha sempre em mente o ditado “Seja o tipo de amigo que você gostaria de ter.

Compartilhe, nos conte quaisquer outras orientações que queira acrescentar com base em sua experiência com a mídia social!

Fonte: SocialMediaToday

Infográfico: Saiba Como o Linkedin Alcançou o Sucesso

Confira o infográfico que a CreditScore produziu para o Mashable,  ilustrando a evolução do Linkedin.

 

história-linkedin-infográfico

Veja também:

Infográfico: Conheça o Perfil dos Usuários Brasileiros no Linkedin

Infográfico: Conheça o número de empresas e usuários que utilizam o Linkedin no Brasil

Google+ será seu ID Online

Privacidade google plus

O presidente do Google, Eric Schmidt, acredita que o Google+ será o seu ID na Web, e se você está relutante em usar seu nome real, então não será bem-vindo no Google+. Então surge uma importante questão: Como fica a privacidade e a segurança dos usuários?

Schmidt tentou responder essa pergunta durante um festival internacional de tv: “É realmente uma questão interessante. Por quê? Primeiro, o Google+ só quer acomodar pessoas reais em sua rede, a fim de promover a transparência e evitar mal-intencionados e contas com pseudônimos. Em segundo, o Google+ quer ser aberto ao público, o que deixará suas informações visíveis na internet”. Em poucas palavras, essa política adotada pelo G+ é uma faca de dois gumes.

A empresa está empenhada em mudar o cenário da mídia social, primeiro premiando o conteúdo, não qualquer conteúdo, mas um genuíno conteúdo “social”, prova disso são os resultados no mecanismo de busca do Google com a atualização “Panda”. E agora promovendo a transparência no G+, mesmo com a perigosa relação privacidade X segurança.

E você, se sente seguro na internet? O Google está correto em adotar essa política? Deixe sua opinião e vamos debater sobre esse assunto polêmico!

fonte: socialmediatoday

Infográfico: Empresas usam Mídias Sociais para avaliar candidatos

Candidatos à procura de emprego se voltaram para as ferramentas digitais e de mídia social para ajudá-los nesta busca, e agora os recrutadores também estão utilizando o poder das mídias sociais como ferramenta de recrutamento.

LinkedIn não é a única rede social que ajuda no processo de procura de emprego, Facebook, Twitter, YouTube e Google+, também são utilizados como canais de divulgação de currículos.

Os empregadores estão tomando nota da importância das mídias sociais no processo de recrutamento, e a maioria das empresas estão se voltando para as redes sociais afim de encontrar e avaliar os candidatos ao emprego.

Dê uma olhada neste infográfico e deixe-nos saber o que você acha do uso de mídias sociais para encontrar um emprego:

Infografico-Procurar-Empregos-com-Mídias-Sociais

Por isso fica a dica, tome couidado com as fotos que você coloca, comentários e comunidades que participa ou curti nas redes sociais, pois cada detalhe será importante no momento que o empregador estiver avaliando você.